Notícias

Ver todas as notícias

Inteligência emocional no ambiente de trabalho: como desenvolver a sua.

Gestão - 05.03.18

 

A dificuldade de se relacionar com os outros colegas e de lidar com situações delicadas no dia a dia de trabalho estão entre os principais fatores que prejudicam a imagem e a carreira de muitos trabalhadores. Pensando nisso, desenvolver a inteligência emocional no trabalho pode ser um grande diferencial.

Inteligência emocional é a capacidade de administrar emoções para alcançar um determinado objetivo. É importante que as pessoas aprendam a lidar com suas inseguranças e seus medos para obter êxito não somente na vida pessoal, mas também em suas carreiras. A inteligência emocional é a base para o desenvolvimento da maior parte das habilidades interpessoais exigidas para o sucesso no mercado de trabalho. Colaboradores que possuem essa competência permitem que se crie um ambiente de trabalho saudável, harmonioso e produtivo em resultados e ideias. Saber agir emocionalmente com inteligência traz muitas vantagens para o cotidiano de qualquer profissional.

Desenvolver a inteligência emocional no trabalho é uma tarefa que demanda esforço e dedicação. Isso porque as emoções e sentimentos estão em constante mudança e devido aos níveis de estresses do ambiente de trabalho que podem dificultar seu gerenciamento. Esta competência emocional contribui significativamente para se criar um ambiente de colaboração e trabalho em equipe, que é crucial para qualquer organização. Profissionais que desenvolvem essa qualidade têm mais facilidade para interagir de forma positiva em um grupo, independente do perfil dos outros membros da equipe.

Confira abaixo algumas dicas que irão te ajudar a desenvolver sua inteligência emocional no trabalho:

 

  1. Análise o seu comportamento

Observe e analise seu próprio comportamento e esteja atento quanto às suas reações frente a diferentes situações. Analisando suas atitudes, é possível compreender como elas impactam sua relação com as outras pessoas, estabelecendo mudanças quando esses resultados forem negativos.

 

  1. Aprenda a dominar suas emoções

Controle seus impulsos antes de se decidir ou se pronunciar quanto a assuntos importantes, não deixe que os seus sentimentos te dominem. Uma forma de preservar a calma e o equilíbrio é realizar exercícios de respiração e breves meditações no trabalho.

 

  1. Aprenda a lidar com situações negativas

Saber lidar com as emoções negativas é essencial para que você não se deixe abalar por elas facilmente. Saiba lidar com decepções de vendo sempre pelo lado bom da situação e desenvolva a sua resiliência.

 

  1. Acredite no seu potencial para aumentar sua autoconfiança

A autoconfiança é essencial. Isso porque é preciso que você acredite em si mesmo para vencer desafios do dia a dia. Então, diga a si mesmo que acredita em sua capacidade de superar as adversidades e mantenha a calma em momentos de crise.

 

  1. Aprenda a lidar com a pressão

O estresse e a pressão são coisas inevitáveis dentro do ambiente de trabalho. É preciso aprender a lidar com a pressão do dia a dia e não deixar que as emoções tomem o controle. Nos momentos em que é necessário tomar uma decisão, a pressão pode impedir ações assertivas. Se isso acontecer, respire fundo, se organize e reequilibre os pensamentos e sentimentos antes de tomar qualquer decisão. Mantenha a calma e foque na resolução e não no problema.

 

  1. Expresse seus sentimentos

Não confunda controle de emoções com repreensão de emoções. Expressar o que você está sentindo ou pensando é essencial para a sua saúde mental. Isso porque, quanto mais você segura esses sentimentos dentro de si, maior será o estrago quando eles vierem à tona de uma única vez. Encontre o equilíbrio para colocar seus pensamentos de forma equilibrada e racional.

 

  1. Desenvolva a empatia

Tão importante quanto compreender os próprios sentimentos, é essencial que você se coloque no lugar dos outros. As pessoas ao seu redor também possuem emoções, e cabe a você tentar compreendê-las para melhorar seus relacionamentos interpessoais. Assim, é possível praticar a tolerância e o respeito, seja no trabalho ou fora dele.





Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *